21 de ago de 2015

Dá uma chance

Vê se dá uma chance pra nós. Por mais que ainda não tenha te levado na casa dos meus pais, nem te apresentado para os amigos, por mais que não tenhamos oficializado nosso relacionamento e eu ainda diga para algumas que estou solteiro, por mais que a gente já tenha discutido por ciúmes e mal entendidos, pelas fofocas e por coisas que acabamos escondendo um do outro, dá uma chance pra esse sentimento bonito que faz os nossos olhos brilharem e os nossos corações vibrarem. A gente não pode deixar esse fogo apagar porque não dá pra negar o quanto seu corpo parece ter sido feito pra mim. Tem que ter um motivo para os nossos dedos se encaixam perfeitamente. Esse frio na barriga quando vai dando a hora de te ver, não pode ser atoa. Essa insegurança e esse medo de não estar com você amanhã, tem que significar alguma coisa. Chega mais, toma um café, um banho, tira um cochilo, fica essa noite e a outra, quem sabe meu colchão te agrada, quem sabe meu calor te aqueça. Quem sabe essa vida seja tudo que faltava nos seus dias, assim como eu sinto sempre que te vejo chegando e fechando a porta sem tirar os olhos de mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário