20 de ago de 2015

Faça a coisa certa

Eu sei que ela disse adeus. Sei que você ouviu da boca dela, que ela não tinha certeza do que sentia, que por vezes você parecia não se importar com o que ela dizia, e que talvez o melhor fosse cada um seguir o próprio caminho, mas eu não consigo entender por que você a deixou partir. Ela quer justamente que você insista, que mostre que os momentos juntos valeram a pena. Não deixe mais essa conversa solta no ar, ela não aguenta, mais uma vez, falar sozinha. Foi apenas a primeira briga, a primeira discussão, o primeiro obstáculo em quatro meses. Quatro meses! Não é uma vida. Para alguns, não é nada, mas vocês construíram uma história. Tinham planos, sonhos e o apoio de quem realmente importava. Não seja idiota, não deixe isso se perder!

Nenhum comentário:

Postar um comentário